Em meio a um imbrógio sobre a sua renovação de contrato com direito a valorização salarial no Flamengo do qual tem contrato até dezembro de 2023, o meia uruguaio Arrascaeta deu uma entrevista do qual falou sobre a sua real situação no clube e seu desejo de ainda atuar na Europa.

PUBLICIDADE

Em entrevista à rádio uruguaia “Sport 890”, Arrascaeta comentou que está em conversas com o Flamengo pela renovação, algo tratado diretamente pelo seu empresário, Daniel Fonseca, e pôs o futebol europeu no horizonte, além de afirmar que jogar no Flamengo “é um privilégio”.

PUBLICIDADE

“Com o Flamengo estamos conversando pela renovação. O clube quer muito que eu esteja aqui e estou muito feliz com a vida que tenho. Tenho contrato até dezembro de 2023. Existe uma lacuna de provar a Europa, mas estou muito feliz no Rio de Janeiro e jogar por uma potência como o Flamengo é um privilégio”, disse Arrascaeta, completando sobre a estreia na Libertadores:

PUBLICIDADE

“É essencial começar vencendo e mais contra um grande rival como o Vélez. Felizmente começamos bem a Copa. Sabemos que somos uma das equipes mais fortes da América e temos a responsabilidade de lutar pelo título novamente… Acredito que Rogério Ceni pode ser um dos melhores treinadores do Brasil pela qualidade de pessoa e treinamento”, disse Arrascaeta.