O goleiro Diego Alves, admitiu em entrevista que sente muito a falta da torcida do Flamengo nas arquibancadas. Segundo ele, a torcida rubro-negra emana uma energia diferente. Sem poder comparecer aos estádios desde o início de 2020, por conta da pandemia de coronavírus, a expectativa, é que o retorno aconteça no segundo semestre.

PUBLICIDADE

“Quando joguei no Almería, da Espanha, a gente não tinha muita torcida. Já o Valencia, era um time com uma torcida bem fanática, era um ambiente muito gostosa de jogar. Eu comecei no Atlético-MG, mas eu te falo, quando a torcida do Flamengo está naquela pegada é diferente”, comentou o goleiro, ao canal “Barbaridade”.

PUBLICIDADE

“Tenho saudade do Maracanã cheio. Essa é uma conversa que nós temos diariamente no CT. A falta que a torcida faz e a vontade de poder rever eles, vivendo esse momento vitorioso. Mas tenho certeza que em um futuro próximo vamos estar juntos de novo no Maracanã, com todo mundo já vacinado, para poder curtir com a nossa torcida.”, concluiu.

PUBLICIDADE